"A Casa Sobre A Rocha" (Mt5:24).

“O Amor é a Lei de Deus. Viveis para que aprendais a amar. Amais para que aprendais a viver. Nenhuma outra lição é exigida do homem.” (O Livro De Mirdad)

Uma Única Mente – Parte 1 de 20 – David Hoffmeister

Posted by José Eduardo Glaeser em 19/10/2010

UMA ÚNICA MENTE
Diálogos com David na Argentina – Parte 1

David: Estamos honrados por ter aceito o convite de vocês para vir à Argentina. Resta trouxe sua música. Kerri e David Powell estão conosco. É sempre uma bênção encontrar comigo mesmo várias e várias vezes, e é assim que eu vejo as viagens que faço. Tenho viajado pelos Estados Unidos nos últimos doze anos, organizando discussões como a que teremos esta noite, nas quais todas as perguntas são bem-vindas e vamos permitir que o Espírito interior traga as respostas. É uma grande alegria compartilhar a luz de Cristo. Todos nós fomos chamados para sermos trabalhadores de milagres, e todos nós respondemos. Agora é que a alegria começa. Nada da nossa antiga vida jamais nos trouxe felicidade duradoura. Nossa felicidade e nossa função são uma. Não existe maior alegria do que servir a Deus.

Eu não dou palestras ou sermões. Eu deixo que o Espírito Santo orquestre as reuniões, então onde quer que eu vá o Espírito Santo fala através de muitos. Eu ouço e reconheço a Voz do Espírito Santo. Essas reuniões são oportunidades para questionar e ter discussões que elevam o ego até a consciência, para que ele possa ser liberado. Sem questioná-lo, ele é assumido como sendo verdadeiro e permanece inconsciente. Grande parte da jornada espiritual é dar permissão para sua mente fazer perguntas. Só há um ego, e à medida que o expomos, ele desaparece para todos. O trabalho que você faz na sua mente está aí para todos no mundo. É um chamado muito profundo, o mais profundo de todos chamados. A jornada para dentro do seu coração necessita somente da sua disponibilidade. Cristo ou o Espírito interior realmente faz o trabalho. Sua centelha de disponibilidade, junto com o poder do Espírito Santo, acende a luz da sua mente. Então, eu os convido a fazer suas perguntas hoje, porque uma questão é uma questão de todos. Cada questão ajudará a trazer clareza para todos nós. Não há perguntas boas ou perguntas ruins, nem perguntas inteligentes ou perguntas estúpidas. Sinta-se à vontade para expressar qualquer coisa que venha ao seu coração.

P: Como você alcançou com êxito tanta alegria que você está nos mostrando. Por que você é tão feliz?

D: Eu não me apego a conceitos ou crenças e, portanto, eu não tenho expectativas. Isso me capacita a viver no presente momento, sem pensamentos passados e nenhuma preocupação ou interesse futuro. Eu não tenho apegos ou posses. Eu desisti de qualquer crença neles. O que quer que pareça útil nos meus ensinamentos aparece: passagens de avião, carros, comida, etc. Eu esqueci do antigo jeito de viver. O aprendizado passado não ilumina meu caminho. O que eu aprendi em dez anos de faculdade não ilumina meu caminho. O que eu aprendi em dez anos de faculdade foi desaprendido, ou o Espírito Santo pegou aqueles símbolos e os traduziu para que eu possa usá-los para ensinar paz e liberdade, a trilha para fora do mundo. Eu não uso mais os símbolos da forma para o orgulho ou ganho pessoal. Esta é a alegria. Como Jesus ensinou – eu dou toda glória a Deus.

Ria, Ria. Lembre-se de rir. Lembre-se que é só um sonho.

Ego, egozinho de nada – acorda, amigo! Pára de chorar e venha gargalhar.

(da Música de Cristo “Laugh, Laugh”)

P: Para chegar neste estado da mente, você vivenciou resistência?

D: Sim, muita resistência, muitas lágrimas. Muita escuridão teve que aflorar. Foram necessário muitos milagres para me convencer que estava tudo bem confiar em Deus. A jornada para dentro da mente tem emoções muito intensas, e às vezes pode ser sentida como se o seu mundo estivesse desmoronando. É só isso, ter investido no mundo, a mente está de ponta-cabeça, e agora o Espírito está virando a mente de cabeça para cima, em direção à luz. A única maneira de ter um mundo pacífico é ser pacífico consigo mesmo. É totalmente um trabalho interno.

P: Conte-nos como você começou.

D: Quando eu era criança, eu nunca senti que eu me encaixava completamente neste mundo. Enquanto outros estavam decidindo o que eles queriam ser quando eles crescessem, eu não tinha nenhuma idéia clara daquilo que eu faria. No colegial quando me deram testes de aptidões, os resultados eram muito engraçados. Era como se não existisse nenhuma vocação esperando por mim. Agora eu posso rir e pensar nos ensinamentos de Jesus: “Estou te chamando para fora do mundo.” Mesmo assim, eu tentei achar um significado e uma vocação. Durante os muitos anos na faculdade, eu passei a maior parte do tempo na biblioteca lendo psicologia, filosofia e religião, fazendo perguntas profundas e procurando o significado da vida. Através dos anos da busca, fui capaz de eliminar muitas perguntas porque eu vi que nenhuma das disciplinas enxergava o mesmo mundo. Por exemplo, o químico não vê o mesmo mundo que o psicólogo vê. Na medida que eu conseguia entender as suposições subjacentes de cada disciplina que eu estudava, eu reconhecia que nenhuma delas tinha a resposta. Alguns professores até admitiam isso! Eu vi que existia muita discussão entre as disciplinas, e o Espírito interior me disse que era a minha percepção que estava distorcida, que eu tinha que fazer um trabalho interior antes que eu pudesse ver um mundo pacífico.

Nada neste mundo pode me ajudar.

Ninguém neste mundo pode me dizer

qualquer coisa sobre a paz e a salvação.

A voz dentro da minha mente está dizendo

que ela me ajudará a encontrar caminho

Através da quieta porta da meditação.

(da Música de Cristo “The Deep Within”)

Um Curso Em Milagres veio para mim em 1986 como uma resposta de uma prece interior para um modo sistemático de clarear o espelho da minha mente, para aprender a confiar no Espírito e ouvir a Voz e abandonar todo o julgamento. Então eu me afundei no Curso e nos primeiros dois anos eu o lia por volta de oito horas por dia. Mesmo durante este período, o ego tinha muita resistência contra Um Curso Em Milagres. Meus olhos ficavam pesados, mas eu era gentil comigo mesmo porque eu sabia que tinha descoberto um escape deste mundo. Eu não deixava nada atrapalhar o caminho. Então eu dava uma caminhada, tomava um lanche ou nadava, e então voltava cheio de paixão e os meus olhos abertos e lia o Curso por muitas horas mais.

Venha, venha, você que está almejando.

Venha, venha, para fora da escuridão.

Venha, venha, você que está queimando na solidão.

Venha, venha, levanta a sua cabeça agora.

Venha, venha, junte a sua coragem.

Venha, venha, agora você será alimentado com ternura.

(da Música de Cristo “Come, Come”)

P: Você não tinha que trabalhar?

D: No início quando recebi o Curso, eu pensei que estava pronto para ascender! (gargalhadas) Pedi ao Espírito para me mostrar a montanha mais próxima, e o Espírito disse: Você está longe de estar pronto. Recebi um conselho prático para voltar ao relacionamento no qual eu estava, esperar e receber orientação de como arrumar um emprego e usar o salário para quitar meus empréstimos e dívidas. Este foi um período intenso de uns oito meses no qual eu tive que aprender a orar e abandonar os anos de aprendizado da faculdade que estavam atrapalhando o caminho do Espírito Santo para trabalhar através de mim. O Espírito Santo usa as habilidades e aptidões, mas o propósito do Espírito Santo é muito diferente do propósito do ego. O ego quer usar as habilidades para dar suporte à personalidade do ser: orgulho, fama, realizações, status – essas são todas metas do ego. Então em resposta a sua questão, nos dois primeiros anos eu fui designado para tarefas específicas e esses empregos me permitiram quitar meus empréstimos e aprender a ouvir e seguir a Voz do Espírito Santo.

Fonte: http://www.global-miracles.net/Portuguese_AM/publications_port/Uma_Unica_Mente/uum_01.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: