"A Casa Sobre A Rocha" (Mt5:24).

“O Amor é a Lei de Deus. Viveis para que aprendais a amar. Amais para que aprendais a viver. Nenhuma outra lição é exigida do homem.” (O Livro De Mirdad)

Uma Única Mente – Parte 7 de 20 – David Hoffmeister

Posted by José Eduardo Glaeser em 28/10/2010

UMA ÚNICA MENTE
Diálogos com David na Argentina – Parte 7

P: Por favor, fale sobre os evangelhos e o Curso.

D: Você poderia dizer que Um Curso Em Milagres é um esclarecimento e iluminação adicional dos evangelhos. Os evangelhos foram escritos pelos apóstolos que ainda acreditavam no ego. Eles não foram capazes de entender muitas coisas que Jesus ensinou. As idéias do ego deles sobre sacrifício mancharam a percepção deles sobre a crucificação. Na percepção deles Deus fez com que um filho inocente que sofresse e morresse pelo bem da humanidade. Jesus não sofreu e Cristo não pode morrer! A ressurreição foi um pequeno símbolo demonstrando uma grande lição: que você não pode matar o Cristo. Um Curso Em Milagres reinterpreta algumas das máximas da Bíblia e dos evangelhos. Jesus diz que ele nunca poderia ter dito: “Com um beijo traís o filho do homem?” porque Jesus não acreditava em traição. Jesus nunca poderia ter ficado com raiva no templo. Isso teria contradito todo o seu ensinamento. Jesus nunca poderia ter dito, “Não vim trazer paz, mas uma espada.”

P: Eu li a idéia de Ken Wapnick de que o que Jesus fez no templo foi apenas um instrumento de ensino.

D: Exatamente.

P: Porque era um lugar público.

D: Sim, sim. É assim que eu vejo isso, que virar as mesas do comércio em uma casa de Deus era uma demonstração de que o comércio e os caminhos de Deus não se misturam. Assim como a crucificação foi um instrumento de ensino, um jeito extremo de ensinar amor.

P: Por favor, entre em detalhes sobre o termo “consciência” como é usado no Curso.

D: A consciência, como vista no Curso, seria uma consciência ciente das próprias crenças, que implica que existem crenças inconscientes. Então você poderia dizer que elevar todas as crenças à consciência mostra o que elas são. Se elas são admitidas como verdadeiras, está além do questionamento consciente e você vive em função dessas crenças muito parecido com um robô que é programado. É por isso que é tão importante trazê-las para cima, para que você possa ficar plenamente ciente.

P: Esta consciência seria o “EU SOU”?

D: Não a consciência que é descrita no Curso. O “EU SOU” está além de todas as crenças. É por isso que Jesus diz que não é um curso para ensinar o significado do amor. É um curso para remover os obstáculos. O “EU SOU” e o Cristo são o significado.

Eu sou espírito, solto e livre, vibração santa, pura energia,
Em todos os lugares, em lugar nenhum, além, dentro,
Eterno silêncio que toca e canta.
(da Música de Cristo “I Am Spirit”)

P: O corpo é um símbolo do ego. Quando o corpo não é mais necessário e estamos fora do corpo, o que acontece com o ego?

D: Uma suposição na sua questão é que a mente poderia até mesmo entrar num corpo. Você necessariamente acredita nisso antes de acreditar que você pode deixar o corpo.

P: Bem, todos nós acreditamos nisso. É por isso que estamos aqui.

D: Você vê o quanto isso é profundo.

P: Ok, bem, estamos todos aqui agora, e estamos aprendendo.

D: Esta é a suposição. Uma vez fui a um grupo do Curso, e eles disseram: “David, seja prático. Estamos todos em corpos” e eu disse, nós devemos olhar para essas suposições. Quem é o “nós”? Jesus pergunta isso em Um Curso Em Milagres: Quem é o “tu” que acredita que está num corpo? Então, poderíamos dizer que é impossível deixar o corpo de lado e deixar um mundo ainda em andamento. Quando você ascende, como fez Jesus, você deixa o corpo e o cosmos de lado – é tudo a mesma alucinação.

Muitas pessoas irão perguntar, para onde foi Jesus? Mas não existe nenhum “lugar” no céu. Jesus diz no Livro de Exercícios, “Dizemos: ‘Deus é’ e então deixamos de falar.” Deus não conhece tempo e espaço. O mundo é um sono de amnésia. Até a física quântica agora está chegando a esta mesma conclusão. Um físico quântico na Austrália chegou à mesma conclusão de Jesus (risadas) Ele usou exatamente as palavras que Jesus usa na Lição 132: “Não existe nenhum mundo!” – ponto de exclamação. Quando Jesus adiciona um ponto de exclamação, ele está fazendo uma declaração enfática. Conforme desistimos de todos os julgamentos da especificidade, a mente lembra de seu estado abstrato que não tem limites ou barreiras.

P: “Eu não sou um corpo. Eu sou livre. Eu ainda sou como Deus me criou.”

D: É isso aí! Então, em vários grupos aqui na Argentina nós olhamos para as idéias da encarnação e reencarnação, que ainda implica que a alma ou espírito entra na forma ou no corpo. A experiência da cura vê que a mente ou alma nunca entra no corpo. Jesus ensinou na Bíblia: “O que nasce da carne é carne. O que nasce do espírito é espírito.” Nunca os dois se encontrarão! Espírito é eterno e o mundo da carne é temporário. Quando você traz a escuridão para luz, somente a luz permanece. A luz não batalha com a escuridão. Assim como quando você entra num quarto escuro à noite e acende a luz, não há batalha. A escuridão se foi.

Como se não existisse nenhum mundo, como se não existisse nenhum mundo:
Um sonho cósmico, uma tela inventada onde figuras dançam e rodopiam
E nada significa coisa alguma, exceto a verdade interior:
Que eu sou mente, planejada por Deus. Ele está me chamando para viver
Como se não existisse nenhum mundo.
(da Música de Cristo “As If”)

http://www.global-miracles.net

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: