"A Casa Sobre A Rocha" (Mt5:24).

“O Amor é a Lei de Deus. Viveis para que aprendais a amar. Amais para que aprendais a viver. Nenhuma outra lição é exigida do homem.” (O Livro De Mirdad)

Uma Única Mente – Parte 15 de 20 – David Hoffmeister

Posted by José Eduardo Glaeser em 20/11/2010

UMA ÚNICA MENTE
Diálogos com David na Argentina – Parte 15

P: Como pode superar o ego que não nos permite viver livremente?
D: A coisa mais importante para superar o ego é: primeiro reconhecer que ele é uma crença. Ele foi feito ao se acreditar nele, e ele é dissipado retirando sua crença dele. O ego quer que você acredite que o inimigo está do lado de fora de você. Ele quer que você aponte do dedo e culpe os outros enquanto ele permanece escondido no fundo da sua mente. Quando você se sente transtornado, você sempre tem uma escolha do que fazer. Você pode culpar o corpo que parece ser você mesmo – e muitas vezes doenças físicas parecem resultar disso – ou você pode culpar outros corpos ao seu redor, e neste caso há muita gritaria e discussão. Ou você pode seguir a orientação do Espírito Santo e ver que isso é só o ego dentro de você mesmo que está vindo à superfície, apenas um trem de pensamento que está passando, e esta é a sua oportunidade para deixar pra lá. O ego não gosta de ser questionado. Ele quer que você considere simplesmente que é assim que as coisas são. O ego é como uma grande suposição de que você é vulnerável e pode ser atacado. À medida que você questiona esse sistema de crença, você aprende a viver dos pensamentos de Deus. Você tem intimidade ao escutar o Espírito Santo em vez de procurar por intimidade em corpos que se unem. Ou aprende a contar com a providencia divina em vez das leis da economia. Você recebe a liberdade da mente através de milagres não através dinheiro e mobilidade do corpo. Você recebe sua paz da mente de Jesus em vez de procurar por ambientes tranqüilos. Nos milagres você é feliz sem nenhuma razão mundana. Você não está feliz por causa dos resultados e circunstâncias – ganhando uma promoção ou recebendo um elogio. Há uma força interior que vem ao seguir o seu coração, e você traz esta luz com você onde quer que você pareça ir. Então, é inteiramente um trabalho interior, e à medida que a sua mente muda, assim muda o mundo que você vê.

Fora da escuridão, para dentro da luz, lá eu irei.
Fora da dor, escolhendo o Cristo, lembrando que sou íntegro.
Cantando uma canção de doce gratidão, eliminando as dúvidas, irrestrito e livre.
(da Música de Cristo “Shower Song”)

P: Eu gostaria de falar sobre o relacionamento santo. Uma pessoa às vezes tenta ter um bom relacionamento na esperança de que virá a ser um relacionamento santo. Essa é uma armadilha do ego?
D: Quando você entrega o seu relacionamento ao Espírito Santo, ele pode parecer ficar muito pior antes de melhorar. (Gargalhadas)

P: Sim, sim, sim!
D: A razão para isso é que o propósito do Espírito Santo é muito diferente do propósito para o qual o relacionamento foi iniciado. O antigo propósito era destinado a trazer um senso de completeza através da união de corpos. Esta é a definição do ego de um relacionamento: corpos vivendo juntos sob o mesmo teto. O ego quer os corpos juntos, mas as mentes separadas. O ego baseia relacionamentos em interesses comuns no mundo e ensina que quanto mais interesses em comum, melhor será o relacionamento – aquilo que o mundo chama de uma boa combinação. E embora esses relacionamentos pareçam bons no início, a raiva inconsciente e a ira logo virão para a superfície. Cada pessoa quer que o outro mude e se torne mais parecida com ela mesma. E você pode ver que você tem uma barganha em suas mãos, como se uma transigência deva ser alcançada. Neste mundo transigência parece uma coisa boa, mas Jesus ensina em Um Curso Em Milagres que “A salvação não é transigência de nenhum tipo.”

Eu não farei transigências. Eu não sacrificarei.
Eu não acreditarei nas mentiras do pecado e da falta.
Eu não morderei a isca do julgamento, dúvida e ódio.
Eu não ficarei enfurecido com o destino, atacado pelo medo.
Mas eu irei brilhar minha luz, deixar o Espírito curar a minha vista
Para contemplar o Cristo em todos.
E o amor eu estenderei, pensamentos de perdão enviarei
E deixarei que a minha tristeza acabe, a culpa seja desfeita.
(da Música de Cristo “Love’s Manifesto”)

O propósito do Espírito Santo vê o que é mais proveitoso para todos. Ninguém perde e ninguém ganha. No propósito do ego sempre há vencedores e perdedores. O ego só conhece o ganho e a perda. Para o ego há só uma quantidade limitada de amor para circular, então o amor parece muito especial e somente para ser dado a certas pessoas. Há uma seção no Curso sobre o relacionamento curado. Ele diz que, depois que o Espírito Santo é convidado para entrar no relacionamento, ambas as pessoas geralmente ficam apavoradas porque o novo propósito é tão diferente do antigo. O novo propósito pede que nada seja mantido oculto um do outro, que é um reflexo da idéia de que nada pode ser mantido oculto do Espírito Santo. O Espírito Santo não pode pegar nada da sua mente a menos que ela seja voluntariamente entregue. Então, abrir-se para o relacionamento santo requerer muita disposição, porque realmente parecerá balançar o barco. Eu tenho certeza que você notou isso com o seu parceiro e familiares.

P: Sim, sim, sim! (Gargalhadas)
D: É Jesus te chamando para fora do mundo, e o ego ou o mundo parece reagir e dizer, “Onde exatamente você pensa que está indo?” Mas quanto mais você ganha confiança em escutar o Espírito Santo, você vê que ninguém está sendo deixado para trás e você simplesmente está abrindo a sua mente para incluir todos e não rejeitar ninguém. Isso é bonito!

Meu irmão, cante comigo a canção da redenção.
E a nossa voz unida trará o alvorecer:
O alvorecer da paz e santidade, relacionamento da gentileza.
Os sonhos separados, o perdão cura.
O mundo real é revelado pelo amor.
(da Música de Cristo “We Can’t Go Home Alone”)

P: Quando você estabelece um relacionamento santo com alguém que não estuda o Curso, deve-se conversar e compartilhar o próprio processo interior do trabalho com o Curso ou apenas tentar demonstrar isso através das mudanças que estão acontecendo no interior?
D: É sempre útil compartilhar o que está passando com você, mas você deve deixar Jesus te conduzir em relação a onde fazer esse compartilhar. Você está entrando em contato com o ser um trabalhador de milagres, mas você deve entregar o controle de onde você acha que os milagres devem ser concedidos. Jesus disse na Bíblia que aqueles que aqueles que “têm ouvidos” ouvirão. Você irá achar muito frustrante se você tentar compartilhar essas experiências internas com aqueles que não estão prontos para ouvi-las. À medida que você se abre para ser um trabalhador em milagres, o ES o guiará até outros e guiará outros até você. Essas serão oportunidades para compartilhar seu novo propósito. Você não pode nem presumir que você deve compartilhar este propósito com o seu parceiro. Este é o significado do ensinamento na Bíblia, de que o pai se voltará contra o filho e a mãe contra a filha, por amor ao Meu Nome. A energia do Cristo é como uma vibração. À medida que esta vibração vem a ser cada vez mais forte, e à medida que você está disposto a abrir a sua mente, muitas testemunhas novas virão à sua mente. Conforme eu segui a direção do Espírito Santo, eu tenho viajado muitas, muitas milhas nos últimos doze anos e encontrado milhares dos meus irmãos e irmãs que estão famintos para despertar. É como se o Propósito tivesse orquestrado a minha vida para eu vivenciar a alegria no meu coração. Todos nós começamos com as famílias biológicas e os parceiros, mas na medida em que o amor em nosso coração fica cada vez mais forte, nosso círculo da família e amigos fica maior. Nós encontramos essas pessoas com base no desejo de dar. Não estamos procurando conseguir alguma coisa delas. A benção vem do compartilhar alegria, não do receber algo material. É como se nós espalhássemos muitas sementes, não olhando onde elas caem ou se elas parecem germinar e florescer. A alegria está em apenas lançar as sementes!

Fluindo, fluindo na luz.
À deriva em suas marés gentis.
Que preciosos são aqueles que compartilham a alegria,
Lembrando da verdade de que somos íntegros.
(da Música de Cristo “Texas Song”)

 

http://www.global-miracles.net/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: