"A Casa Sobre A Rocha" (Mt5:24).

“O Amor é a Lei de Deus. Viveis para que aprendais a amar. Amais para que aprendais a viver. Nenhuma outra lição é exigida do homem.” (O Livro De Mirdad)

Recado de Jesus aos corações disponíveis…

Posted by José Eduardo Glaeser em 01/02/2011

Recado de Jesus aos corações disponíveis…

Rui Santiago
Jovens Redentoristas

Irmão, preciso de ti. Preciso de gente com coragem para levantar a voz e anunciar ao mundo, em Meu nome, alguns Segredos da Vida que andam muito esquecidos.
Diz-lhes que viver é infinitamente mais que ter uma carreira, e ter sucesso não é sinónimo de ser feliz. Porque os sucessos do mundo regem-se por tabelas que Eu, na verdade, não conheço…
Parte diante do mundo essas tabelas, esmigalha aos teus pés esses critérios que medem os homens por aquilo que têm e pelo número de outros homens sobre quem eles mandam.
Proclama que cada um vale na medida do que ama. Lembra-lhes, também, que tudo o que agora lhes enche os olhos e os corações, tudo o que desesperadamente perseguem e querem possuir,
um dia lhes será roubado para sempre, e ficarão apenas com o que realmente são.
Lembra-lhes que a morte é uma ladra invencível de tudo o que eles têm. Mas não rouba o que cada um é… Por isso, é primeiramente ao nível do ser que devemos arregaçar as mangas e construir.
Ser pessoa é construir-se pessoa, nos alicerces do amor, com os tijolos do bem-querer, o cimento do perdão, as vigas da solidariedade, as telhas da verdade…
Segreda-lhes, também, que não vale a pena correr tanto e tão depressa, se não se sabe para onde se vai… Esse é que é o verdadeiro problema. A fome mais profunda do coração dos homens é a
fome de um Sentido para a vida. E, sabes o que te digo?… Eis-me aqui!!! Deixa-me ser o Sentido da tua vida, e proclama-me como Sentido para a vida do mundo.
Em Mim, todos vós fostes assumidos como filhos muito amados do Meu Pai. Eu chamei-vos “irmãos”, pelo grande Amor que vos tenho, e ensinei-vos a chamar ao Meu Pai tal como Eu lhe chamo: “Abba!
Papá!”. E, por Mim, recebestes todos o Espírito Santo, que é como que o Sangue de Deus a correr nas vossas veias espirituais, a Vida de Deus a encher de Sentido a vossa própria vida.
E porque sois filhos muito amados, a vossa vida em construção caminha em direcção à Plenitude do Regaço do Pai. A morte é um fim, mas não é o fim. É o fim da construção, mas não é o fim da Vida!
Pelo contrário: é o parto definitivo para a Plenitude da Vida, ser eternamente em Deus, com Deus e como Deus. É a porta de entrada na Festa da Alegria Eterna, à entrada da qual a primeira imagem que terás serei Eu a caminhar na tua direcção, de braços abertos e olhar brilhante, para te abraçar e dizer ao ouvido: “Bem Vindo, irmão! Nem imaginas a Festa que te está preparada… Vem, e sê feliz para sempre!
E se, porventura, ainda vir no canto do teu olho alguma lágrima ou no teu rosto alguma marca de tristeza, Eu te beijarei e recriarei definitivamente, e acabará para sempre a dor, o sofrimento e a tristeza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: