"A Casa Sobre A Rocha" (Mt5:24).

“O Amor é a Lei de Deus. Viveis para que aprendais a amar. Amais para que aprendais a viver. Nenhuma outra lição é exigida do homem.” (O Livro De Mirdad)

Posts Tagged ‘Mística’

A LEI DO AMOR

Posted by José Eduardo Glaeser em 24/11/2018

A lei da equivalência de forma determina que para nos aproximarmos do Criador no mundo espiritual, nós só precisamos ser semelhantes a Ele em nossas qualidades.
Que mundo interessante que nós vivemos! Eu e você podemos estar a um metro de distância, falar um com o outro, ver, ouvir, e talvez até cheirar um ao outro. No entanto, eu não tenho idéia sobre o que você está pensando e o que você realmente quer. Eu não sei onde você “realmente” está. Talvez neste mesmo instante você esteja pensando em alguém que vive num lugar diferente, ou mesmo num horário diferente. Talvez você esteja pensando em alguém que viveu e morreu há tempos atrás na Austrália.
É sabido que os amantes levam seu amado onde quer que vão. Sinceramente, as pessoas apaixonadas são as mais chatas para se conversar: elas podem estar com você fisicamente, mas a mente delas estará constantemente com seu amado encantador/ lindo/ maravilhoso/ inteligente (escolha ou acrescente à vontade).
Se, entretanto, você perguntasse quem estava sentado ao meu lado esta manhã, durante a minha viagem de trem para o trabalho, ou quem estava em pé ao meu lado na noite passada quando eu estava na fila para comprar ingressos para o cinema, é quase certo que eu não lembrarei. Isto porque, enquanto esperava na fila, ou viajava no trem, a minha mente vagava por outros lugares, tempos e temas.
Conclusão: A distância ou a proximidade física não significa a nossa distância ou proximidade interior. Nós temos uma vida interior, pensamos, sentimos e imaginamos o que sentimos próximo, o que realmente queremos.

EQUIVALÊNCIA NATURAL
Se olharmos para a lei da equivalência de forma tal como ela opera na natureza, veremos que o que acabo de dizer não é nada novo. Nós só conseguimos detectar o que os nossos instrumentos de percepção conseguem perceber.
Todos nós sabemos que a realidade é composta por muitas freqüências, a maioria das quais não podemos receber, embora elas afetem as nossas vidas. Pegue os raios-x, por exemplo, ou as ondas de rádio. Somente se usarmos o instrumento adequado, que traduz essas ondas com um comprimento adequado para as nossas ferramentas naturais de percepção – olhos, orelhas, nariz, etc. – seremos capazes de detectar essas ondas no ar que nos rodeia.
O que você faria se eu lhe perguntasse o que está sendo transmitido agora na sua rádio favorita? Supondo que você seja uma pessoa de mente sã, você diria que não sabe (a menos que estivesse ouvindo essa estação justamente agora). Mas se você ligar o rádio e mudar para a freqüência de sua estação favorita, você imediatamente saberá a resposta.
Como a rádio “sabe” o que está no ar em sua estação favorita? Não há nenhum rapazinho lá, cantando e conversando para tornar o nosso tempo mais agradável. Em vez disso, a rádio só se ajusta para funcionar num comprimento de onda, numa frequência que existe no ar antes que a tenhamos ligado. Isso nos ajuda a “traduzir” a mensagem que foi criada na rádio a partir de uma mensagem intangível para o comprimento de onda que nossos ouvidos podem receber.

PRÓXIMA E DISTANTE
Quando nós usamos o termo “próximo”, geralmente nos referimos à proximidade de opiniões. Nós gostaríamos de enfatizar a semelhança dos nossos pontos de vista. Se ambos acreditam que certa mudança social é necessária, então os nossos pontos de vista estão próximos. Às vezes, nós usamos esse termo para expressar a quantidade de amor entre nós. Nós pensamos sobre nós dois e queremos que ambos estejam felizes e se sintam bem. Em outras palavras, nos sentimos próximos.
Mas o que é a “proximidade espiritual”?

A EQUIVALÊNCIA DE FORMA ESPIRITUAL
A lei da equivalência de forma também é aplicada no mundo espiritual. Porém, na espiritualidade, não se trata de equivalência de frequências, mas da semelhança e diferença de intenções.
Tudo que é medido no mundo espiritual são intenções e pensamentos. Naturalmente, o homem só pensa em si mesmo e no seu próprio benefício. Mas a intenção da Força Superior, que governa toda a realidade, incluindo as nossas vidas, é só doar, dar. Ela age por amor. Portanto, no reino espiritual há uma oposição de forma entre nós e a Força que governa nossas vidas.
Acontece que, se quisermos conhecer e compreender o comando do mundo, nós também devemos adquirir a qualidade de doação. Enquanto continuarmos pensando apenas em nós mesmos e no nosso benefício pessoal, não saberemos as razões de tudo o que acontece ao nosso redor e dentro de nós, já que continuaremos opostos à Força Superior. Somente se encontrarmos o caminho para ascender à medida da equivalência de forma que devemos alcançar, encontraremos a felicidade e a paz, como dizem nossos sábios, “Como Ele é misericordioso, então vocês são misericordiosos, como Ele é bondoso, então vocês são bondosos”.

FONTE: http://www.kabbalah.info/brazilkab/lei-amor.htm

Posted in CABALA | Etiquetado: , , , | Leave a Comment »

Michael Laitman – De modo que um coração ame verdadeiramente um inimigo

Posted by José Eduardo Glaeser em 23/11/2018

Rabash, “De Acordo Com O Que É Explicado Sobre ‘Ama O Teu Amigo Como A Ti Mesmo’”: Nossos sábios disseram: “Dispersem os iníquos; melhor para eles e melhor para o mundo”. Em outras palavras, é melhor que eles não existam. No entanto, é o oposto dos justos: “Reúnam os justos; melhor para eles e melhor para o mundo”.

Inicialmente, não havia justos. Os justos são nossas qualidades corrigidas. Em todos os níveis, quando entramos em um novo grau, os antigos justos caem e os novos pecadores se levantam e os transformamos em justos novamente.

“Qual é o significado de“ justo”? São aqueles que querem manter a regra: “Ama o teu amigo como a ti mesmo”. A sua única intenção é sair do amor próprio e assumir uma natureza diferente de amor pelos outros. E embora seja uma Mitzva[mandamento] que deve ser mantida, e que uma pessoa pode forçar-se a manter, o amor ainda é algo que é dado ao coração, e o coração discorda dele por natureza.O que, então, uma pessoa pode fazer para que o amor aos outros toque o coração?”

É impossível. Somente a Luz superior pode fazer tal correção para nós. Isso não está em nosso poder, pois exige duas forças: uma que não é corrigida e outra que é o poder de correção, que não temos. Nem sabemos exatamente como ou o que deve ser corrigido.

É por isso que recebemos as 612 Mitzvot: elas têm o poder de induzir uma sensação no coração. No entanto, uma vez que é contra a natureza, essa sensação é pequena demais para ter a capacidade de manter de fato o amor dos amigos, mesmo que a pessoa tenha uma necessidade disso. Por isso, agora ela deve procurar conselhos sobre como realmente implementá-lo.

O conselho para que a pessoa seja capaz de aumentar sua força na regra “ama teu amigo” é pelo amor dos amigos.

Isso fala sobre o fato de que há doação e também há recepção em prol da doação.

Pergunta: O trabalho nas dezenas, nos workshops e nos estudos é dirigido apenas a uma coisa: atrair a Luz que reforma?

Resposta: Sim, não precisamos de mais nada. A Torá é a Luz superior que corrige nossos desejos egoístas e os transforma em altruísta. A correção de uma intenção egoísta em uma altruística é chamada de observar um mandamento.

De KabTV “a Última Geração”, 18/04/18

Fonte: http://laitman.com.br/2018/11/de-modo-que-o-coracao-ame-verdadeiramente-um-amigo/

Posted in CABALA | Etiquetado: , , , , , | Leave a Comment »

Os 3 Tipos de Felicidade (Bhagavad Gita 18:36-39)

Posted by José Eduardo Glaeser em 11/04/2017

“Mas ouve agora de mim, ó Bharatarshabha”, sobre a tríplice felicidade. Aquela em que a pessoa se regozija depois de extensa prática e pela qual se alcança o fim de todo sofrimento. que no princípio é como veneno mas que, quando se transforma no decorrer do tempo, se torna semelhante ao néctar – proclama-se ter essa felicidade a natureza de sattva, nascida da graça-serenidade (prasada) da sabedoria (buddhi) do Si Mesmo.
Aquela que surge por meio da união dos sentidos com seus respectivos objetos, que é semelhante ao néctar no princípio mas, quando se transforma no decorrer do tempo, se torna como veneno – sustenta-se ter essa felicidade a natureza de rajas.
Aquela felicidade que no princípio e no final ilude o ser, decorrente do sono, da indolência e da desatenção – diz-se ter ela a natureza de tamas.”
(Bhagavad Gita 18:36-39)

Retirado da Nova Tradução de Georg Feuerstein, Editora Pensamento, 2015.

Posted in Geral | Etiquetado: , , , , , , , , | Leave a Comment »

O AMOR E O PERDÃO SÃO O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA #1

Posted by José Eduardo Glaeser em 02/02/2013

COMO TUDO COMEÇOU:
Na noite do dia 30/01/2013 para o dia 31/01/2013 eu tinha ido deitar pelas 5:00 A.M. e eu estava demorando para pegar no sono e me peguei pensando no trecho bíblico que é um trecho do Evangelho segundo São Marcos no capítulo 12, versículos 28 ao 34 em que um doutor da Lei pergunta a Jesus qual é o maior mandamento e Jesus diz que é amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a si mesmo, e dai o doutor da Lei aparece com o raciocínio de que cumprindo esses dois preceitos valem muito mais que todos os sacrifícios e holocaustos, e Jesus responde a esse doutor da Lei “Você não está longe do Reino dos Céus” e depois o relato conta que todos se calaram.
Depois que fiquei pensando um pouco sobre o assunto, um sentimento de um amor e uma alegria arrebatadoras tomaram conta de mim e também vindo em minha mente um turbilhão de pensamentos e uma torrente de Amor que me impeliram a levantar, ligar a luz e anotar tudo num papel.
Pois já faz algum tempo que pratico isso que é dito e aproveito a madrugada para fazer minhas orações e meditações além de ficar enviando amor e perdão durante o dia todo e isso tem feito simplesmente TODA a diferença em minha vida e os benefícios são inúmeros e inimagináveis sendo impossível de descrevê-los aqui devido ao caráter limitado das palavras. Eu antes também já tinha e leio livros como Conversando com Deus de Neale Donald Walsch, O Curso Em Milagres e similares e tendo obtido ótimos resultados com certeza, mas quando li esse trecho (Mc12:28-34) foi como se fosse uma espécie de catalisador que fez assentar o meu entendimento das leituras anteriores que também ensinam a mesma coisa so que de outro modo enquanto esse trecho ensina de modo mais condensado e direto.
Por isso a quem ler, peço desculpas por qualquer erro de portugês que encontrarem aqui, porque escrever nunca foi minha praia, minhas áreas de interesse são desenho, pintura, matemática, conhecimentos gerais(principalmente história e ciências). Mas vejo que agora tenho de rever meus conceitos nesse ponto. Que essa mensagem seja para Vocês um presente assim como para mim também foi e está sendo.

A MENSAGEM:
Amem muito, perdoem muito! É só isso que eu peço, é só isso que meu Filho Jesus veio fazer entre vocês, Ele veio mostrar que somente pelo Amor Vocês podem chegar até mim, “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por Mim” (João 14:6) significa que somente fazendo o que Ele fez (quer dizer, tê-Lo como modelo), que é amar, perdoar sempre é que chegarão até Mim.
Não existe outro caminho fora do Amor e do Perdão. Rituais, dogmas, credos, estatutos, liturgias, hermenêuticas, filosofias, teologias não o aproximarão de mim, mas somente Lhes darão uma falsa segurança e se tornarão com o tempo apenas novos bezerros de ouro em suas vidas, deuses esses que só Lhes causarão decepções pelo fato de não satisfazerem as necessidades mais profundas de suas almas, que é o desejo de Amar e ser amado, em resumo, ser como Eu, O Mais Puro Amor que é a Imagem Verdadeira de Vocês. É pelo amor e não por especulações filosóficas, foi isso que meu Amado Paulo lhes disse quando escreveu “Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo” (Colossenses 2:8); e também quando escreveu “O qual nos fez também capazes de ser ministros de um novo testamento, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata e o espírito vivifica” (2 Coríntios 3:6), e Ele estava absolutamente certo certo pois letras, filosofias, teologias, estatutos agem somente no campo do intelecto e do relativo, sendo que o conhecimento de Cristo vem somente a partir do Amor e do Perdão, pois eu sou Amor e Eu Sou discernível somente pelo Amor e pelo Perdão (que também é a essência de todos Vocês).
Por isso Eu digo: Amem; Amem muito! Perdoem; Perdoem muito. Pois quando mais fizerem, mais fácil lhes será. Pois quanto mais Vocês fizerem essas coisas (Amar e Perdoar incondicionalmente é claro) os seus egos vão sendo dissolvidos, pensamentos negativos, ansiedades, depressões, tristezas, falta de senso de proposito na vida, vão começar a ser dissolvidos como nuvens que são dissolvidas ao serem expostas as radiações solares. E a felicidade plena que tanto procuram começará a brotar do coração de Vocês além de inúmeras e maravilhosas dádivas, curas, milagres de todos os tipos, surgirão nas vidas de Vocês a medida em que porem o Amor e o Perdão em prática.

NAMASTÊ

Posted in Geral | Etiquetado: , , , , , , , , , | Leave a Comment »

“O AMOR É A LEI DE DEUS” (O LIVRO DE MIRDAD)

Posted by José Eduardo Glaeser em 07/12/2012

“O Amor é a Lei de Deus.
Viveis para que aprendais a amar.
Amais para que aprendais a viver.
Nenhuma outra lição é exigida do homem.”
(O Livro De Mirdad)

Via http://www.sintoniasaintgermain.com.br/mdd011.htm

Posted in Geral | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a Comment »

 
%d blogueiros gostam disto: